Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/10/19 às 12h06 - Atualizado em 11/10/19 às 12h06

Agora será possível abrir filiais nos estados sem sair de Brasília

COMPARTILHAR

A partir do dia 14 de outubro, o empreendedor não precisará mais viajar para outro estado para ter uma filial da sua empresa. Ele poderá abrir, alterar ou até encerrar novos espaços em unidades federativas diferentes no conforto da sua casa pela internet, por meio da Rede Nacional para Simplificação do Registro e Legalização de Empresas e Negócios (Redesim). Isso será possível graças à integração entre várias juntas comerciais do Brasil, incluindo a do DF.

 

As Juntas onde a pessoa tem a sede da empresa serão matrizes onde ela poderá dar entrada em todas as filiais daquele negócio. Se toda a documentação estiver correta, um empresário que tenha a matriz da empresa no DF poderá abrir uma filial no Pará daqui de Brasília mesmo, por exemplo.

 

“Desde que assumimos a Junta Comercial do DF em julho, estamos empenhados em facilitar a vida do empresário e, essa medida, é mais uma vitória nesse sentido. E, desta vez, não estaremos beneficiando só o empresariado local, estaremos fomentando a economia do País como um todo”, afirma o presidente da Junta Comercial, Industrial e Serviços do Distrito Federal (Jucis-DF), Walid Sariedine.

 

Outra novidade é que não haverá mais a necessidade de arquivamento das filiais em outra unidade federativa, só na matriz. Mas é importante lembrar que o estudo de viabilidade continuará sendo feito no local onde a filial será aberta.